segunda-feira, 25 de julho de 2011

Ignorar...

Ignorar a própria ignorância é a doença do ignorante.
Não sei como você consegue estar longe de si mesmo...Ignorar este destino é ignorar a sua própria história...
Ignorar você mesmo, é a pior ignorância.
A parte que ignoramos é muito maior que tudo quanto sabemos. 
O mundo está cheio de coisas obvias, que ninguém, em momento algum, observa!
Conheço muito bem os homens para ignorar que muitas vezes o ofendido perdoa, mas o ofensor não perdoa jamais.
Quantas coisas é preciso ignorar para agir!
Creio que é melhor dizer a verdade do que mentir, saber do que ignorar, ser livre do que depender.
 O homem sabio é a quele que vive o presente
sem esquecer do passado
e sem ignorar o futuro.

5 comentários:

Carla Wolf disse...

Nunca se deve ignorar nada!
http://caahwolf.blogspot.com/

Jéssikinha... disse...

adorei seu cantinho e ja estou seguindo, me segue tbm?!? http://maravilhasdemulher.blogspot.com/

bjinhoss

Ana Sílvia Diniz disse...

Muito bom !

Beijos, beijos,
Ana Sílvia Diniz.
http://www.anasilviadiniz.com/

Wendyel disse...

Adorei o texto, é verdadeiro!

http://tecido-doce.blogspot.com/
http://cerejadeneve.wordpress.com/

Laila disse...

Concordo com todos aqui *_*